11 de set de 2014

Sempre dar crédito aos intérpretes e aos tradutores

Oportuna campanha da Abrates e do Sintra, desde minha dissertação que bato nesta tecla:




Nenhum comentário:

Postar um comentário